As tecnologias que levam seus produtos alimentícios às prateleiras

Quer conhecer mais sobre como otimizar a gestão de transportes na cadeia de alimentos e bebidas? Confira este artigo.

 

O armazenamento e o transporte de alimentos e bebidas requerem uma série de cuidados especiais que precisam ser adequados ao tipo da carga transportada, principalmente em se tratando dos perecíveis. São muitas as peculiaridades que impactam na qualidade do produto e nos custos da operação, por isso a logística da entrega de gêneros alimentícios precisa levar em conta, mais do que nunca, a armazenagem e o tempo adequado para o percurso.  

Para que o produto chegue no tempo e da forma que precisa ser entregue, é necessário ter um planejamento logístico bem pensado e executado. Uma responsabilidade tão grande como essa não pode ficar mais apenas com o motorista e, dessa forma, o investimento em tecnologia se apresenta como uma boa e fundamental estratégia.

Hoje vamos explicar tudo sobre essas tecnologias e como elas levam seus produtos alimentícios às prateleiras de forma segura e confiável. Confira!

Quais são os desafios e limitações técnicas enfrentadas hoje pelo transporte de alimentos?

Você sabia que o transporte rodoviário é responsável por movimentar mais de 60% das mercadorias do Brasil. Ou seja, mais da metade do que chega até o consumidor é levado pelas estradas. Entretanto, são muitos os desafios enfrentados por quem trabalha com transporte rodoviário de cargas. 

Eles vão desde a precária infraestrutura das rodovias – que eleva o custo operacional do transporte em torno de 30%, segundo a Confederação Nacional do Transporte (CNT) – até o monitoramento dos motoristas, para garantir a segurança dos trabalhadores e das cargas. 

Entretanto, a movimentação de cargas perecíveis, como é o caso da distribuição no setor de alimentício, tem ainda mais desafios, dadas as proporções continentais e o clima tropical do Brasil. Como por exemplo: 

  • Centralização de informações
  • Rota e monitoramento da carga
  • Previsibilidade
  • Perda de mercadoria
  • Auditoria

Quais são as maiores peculiaridades no transporte de alimentos?

É necessário ter consciência que para cada tipo de alimento são necessários cuidados diferentes. Há normas que variam conforme a classificação dos produtos, se são perecíveis ou não, entre outros.

No caso dos perecíveis, o tempo de transporte e o acondicionamento devem ser mais bem controlados, para evitar proliferação de microrganismos, contato com substâncias contaminantes e, com isso, a perda do alimento.

Para esse tipo de transporte são necessários caminhões adaptados para tal. A refrigeração correta é muito importante para a manutenção da qualidade do produto e ela vai variar conforme cada tipo de carga, seja para frutas, bebidas geladas, produtos resfriados ou congelados e até alimentos que não são perecíveis e nem frios. 

Portanto, o primeiro passo para um bom transporte de produtos alimentícios é entender a fundo as particularidades de cada tipo de transporte. Com isso, é preciso designar o veículo mais adequado a cada pedido e organizar as rotas de modo a incluir não só rapidez e eficiência, mas segurança ao longo da distribuição.

Mas afinal, quais são as vantagens do uso da tecnologia nesse meio?

O grande desafio de quem empreende no ramo de transportes é como usar inteligência logística para evitar perdas e potencializar a distribuição. Para isso, a tecnologia tem se apresentado como uma grande aliada na otimização do processo logístico. Mais do que isso, ela é uma necessidade e um diferencial competitivo. 

No caso do transporte de alimentos, a otimização do tempo se faz ainda mais necessária. O uso de um software ajuda nesse processo, além de otimizar a contratação do frete, a escolha da rota, o acompanhamento, o monitoramento da entrega e a auditoria do frete. 

Conclusão

O transporte rodoviário é o principal meio de locomoção de cargas no Brasil e apresenta diversos desafios, a começar pelo tamanho do território brasileiro e as peculiaridades de cada região. Estradas em más condições, insegurança e alto custo do transporte são alguns dos gargalos. 

Por isso, um bom planejamento logístico ajuda a garantir a rapidez, a segurança e a qualidade das cargas. Felizmente, a tecnologia existe para facilitar o trabalho e ajudar a dar segurança.

O investimento em um software, como os presentes na plataforma Lincros, que auxiliam desde a contratação de fretes até a conferência das notas, deixou de ser visto como gasto e luxo, e passou a ser tido como investimento, e um grande diferencial.

Quer conhecer ainda mais sobre todos os seus benefícios e como implementá-lo na sua empresa? Venha conversar com um de nossos especialistas!

 

Revista Digital Logística de Alimentos

Imagem: female-researcher-biotechnology-laboratory-with-tabletUnsplash

Receba os melhores conteúdos sobre logística no seu e-mail e otimize a gestão da sua empresa.

Os conteúdos são 100% gratuitos e você pode parar de receber quando quiser.

SOBRE A

Fundado em 2003, o KaBuM! foi um dos pioneiros no comércio eletrônico brasileiro e hoje é o maior e-commerce do segmento de tecnologia na América Latina.

Com mais de 20 mil produtos em seu catálogo, o KaBuM! está sempre à frente e traz em primeira mão os melhores lançamentos do mercado mundial. São mais de 8 milhões de pessoas atendidas e entregas realizadas em todas as regiões do país, totalizando mais de 5.000 cidades.

O e-commerce é um dos sites mais acessados do país e lidera o ranking das lojas virtuais mais recomendadas pelos consumidores brasileiros, no segmento de tecnologia*, com os principais índices de avaliação e selos de qualidade da internet.