Lean Six Sigma aplicado à distribuição

Lean Manufacturing, também chamado de Sistema Toyota de Produção, é uma filosofia de gestão focada na redução de desperdícios. Six Sigma é um conjunto de práticas originalmente desenvolvidas pela Motorola para melhorar os processos ao eliminar defeitos.Resultado da integração de Lean Manufacturing com Six Sigma, surgiu o Lean Six Sigma, conjunto de técnicas estratégicas para solucionar problemas referentes a processos e produtos que impactam na produtividade de empresas; com o propósito de melhorar o atendimento e serviço oferecido ao cliente.

As diferentes práticas do método podem ser aplicadas para companhias de qualquer porte e setor. Neste post, vamos mostrar a sua aplicação ao ambiente de distribuição.

Como o programa tem um dos focos no cliente, suas técnicas podem ser implementadas em toda a cadeia de distribuição. As empresas que estão ligadas ao cliente por meio de um distribuidor precisam se certificar de que o serviço está sendo bem realizado – a aplicação da metodologia Lean Six Sigma entra, nesse momento, para reduzir erros e corrigir processos.

Para que o programa tenha sucesso, é essencial ter um especialista em Lean Six Sigma para orientar o distribuidor na aplicação da metodologia. Tanto a empresa responsável pela fabricação do produto quanto a distribuidora precisam participar ativamente do processo. Após uma etapa de diagnóstico, serão implantadas técnicas que visam eliminar desperdícios (tirar do produto ou processo aquilo que não é utilizado pelo cliente, por exemplo) e aumentar a produtividade.

No setor de distribuição, um dos procedimentos que podem ser melhorados e que impactam na satisfação do cliente é o tempo do transporte. Para isso, existem algumas medidas que agilizam as etapas anteriores, como o carregamento dos caminhões. No armazém, é importante manter os produtos em locais adequados e de fácil acesso, por exemplo, para que o tempo de locomoção seja o mínimo possível.

O cuidado com erros também está previsto dentro do programa Lean Six Sigma. Para o distribuidor, ter atenção no registro e controle das informações é fundamental para garantir o sucesso da entrega. Analisar e documentar os resultados, etapa final do processo, é outra prática que permite a redução de desperdícios e o aumento da lucratividade das empresas.

Você já aplicou a metodologia Lean Six Sigma no seu centro de distribuição? Conte sua experiência pelos comentários abaixo.

Crédito de Imagem: Unsplash

Receba os melhores conteúdos sobre logística no seu e-mail e otimize a gestão da sua empresa.

Os conteúdos são 100% gratuitos e você pode parar de receber quando quiser.

SOBRE A

Fundado em 2003, o KaBuM! foi um dos pioneiros no comércio eletrônico brasileiro e hoje é o maior e-commerce do segmento de tecnologia na América Latina.

Com mais de 20 mil produtos em seu catálogo, o KaBuM! está sempre à frente e traz em primeira mão os melhores lançamentos do mercado mundial. São mais de 8 milhões de pessoas atendidas e entregas realizadas em todas as regiões do país, totalizando mais de 5.000 cidades.

O e-commerce é um dos sites mais acessados do país e lidera o ranking das lojas virtuais mais recomendadas pelos consumidores brasileiros, no segmento de tecnologia*, com os principais índices de avaliação e selos de qualidade da internet.